NÃO CONSEGUE ASSISTIR O VÍDEO - COMUNIQUE EM COMERCIALAPLICA@GMAIL.COM

AMO FAZER COMPRAS EM BRECHÓ!!!

PROJETO ÁFRICA

PROJETO ÁFRICA
PLANOS DE AULA

terça-feira, 13 de maio de 2014

Zona de desenvolvimento proximal – uma possibilidade de intervenção pedagógica

KAREN ALESSANDRA HUSEMANN

RA 1109761








ATIVIDADE DE PRÁTICA





Zona de desenvolvimento proximal – uma possibilidade de intervenção pedagógica
JAQUELINE BELGA MARQUES










CENTRO UNIVERSITÁRIO CLARETIANO









3º SEMESTRE/2014


ZONA DE DESENVOLVIMENTO PROXIMAL – uma possibilidade de intervenção pedagógica


Apresentação

Este trabalho de prática faz parte faz parte dos componentes obrigatórios dos cursos, de acordo com a resolução CNE/CP 1, de 18 de fevereiro de 2002.
Tem como objetivo propiciar o futuro professor um modelo de reflexão sobre sua prática pedagógica, com base na Abordagem socioconstrutivista, uma relevante teoria nas áreas da Psicologia e da Educação.


Introdução

No âmbito virtual da unidade curricular do curso de Licenciatura Plena em História foi desenvolvida a Atividade de Prática de Psicologia da Educação do Centro Universitário Claretiano – Polo Campinas o presente trabalho para representar sobre a teoria Cognitiva da Aprendizagem sob o tema: “Zona de desenvolvimento proximal – uma possibilidade de intervenção pedagógica”. A presente atividade foi desenvolvida de uma situação real de sala de aula utilizando os “princípios metodológicos de Vygotsky”, criando situações de aprendizagem em colaboração, com o objetivo de buscar explicar a “ajuda do outro” não somente como uma simples transmissão de conhecimento de um indivíduo que sabe para o que não sabe e sim, para entendermos a expressão como mediadores na aplicação efetiva do conhecimento de grande estratégia na prática docente. Refletir a respeito do trabalho do educador quando esse adota uma determinada teoria, pensando nos limites e possibilidade de intervenção pedagógica.

Desenvolvimento

1.     Realização

Atividade realizada em dupla ou trio, com a entrega individual da atividade.


2.     Metodologia

2.1 Atividade de Audição – Individual

A princípio, usaremos o áudio da Fábula “A cigarra e a formiga” Fábula de Esopo "A Cigarra e a Formiga" na clássica e inesquecível versão da coleção Disquinho, disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=BPqr69ciZTQ>


2.2 Atividade - Roda de conversa

Após a audição, faremos uma roda de conversa com os alunos, sobre o tema: “Quem planta colhe” que sugerimos como moral da história da Fábula apresentada. Através da roda de conversa será possível detectar os alunos com dificuldade de interpretação de texto por consequência da interação deste, sobre o assunto. Neste momento poderemos identificar os alunos que mais se destacaram durante a atividade. A atividade sugerida cria a situação para descobrir o nível de Desenvolvimento Real e sugere a situação para Desenvolvimento Potencial.


2.3 Atividade – Em dupla ou trio

Identificando os alunos que apresentam dificuldade para interpretação, colocaremos estes em dupla com os que se destacaram durante a roda de conversa no intuito de aproximá-los ao ponto de utilizarmos a “ajuda do outro” no contexto da sala de aula. Usaremos a interpretação do texto – “A cigarra e a formiga” para responder questões sobre pontuação e tipos de frases. – disponível em:
Neste nível da atividade colaborativa, já poderemos trabalhar para desenvolver o Potencial dos alunos com dificuldade e ela saberá também neste nível que, deverá realizar a atividade individualmente, porém com a ajuda do colega, ou seja, estará sendo assistida por um indivíduo mais capaz até que possa operar de forma independente, passando a exigir gradualmente menos assistência ao seu desempenho na medida em que aumenta a sua capacidade de auto regulação.


3.     Avaliação

Após realizarem os exercícios, voltaremos para a condição individual para a correção dos mesmos. Neste momento estaremos utilizando a avaliação em grupo e todos participarão.
·         Cada qual dos alunos detectados com dificuldade, em forma de debate, dará a resposta primeiramente, conflitando com os outros. Neste nível o aluno estará sem assistência externa somente auto assistido, veremos se ele é capaz de realizar a tarefa com o desempenho totalmente desenvolvido ou automatizado. Discurso auto corrigido se faz necessário se o mesmo ainda apresentar dificuldade na função de controle.
·         Se o desempenho foi desenvolvido, automatizado e fossilizado, a tarefa torna-se amena e não há mais a necessidade de uma assistência de uma pessoa mais capaz ou de auto assistência. Está apta a desenvolver novas capacidades.


Conclusão do Projeto

Após estudar e analisar os materiais de apoio sugeridos pelo Centro Universitário Claretiano e pela professora JAQUELINE BELGA MARQUES[1] - tutora a distância da disciplina de Psicologia da Educação, todos referidos no final desse projeto. Sobre o tema abordado – Zona de Desenvolvimento Proximal de Vygotsky, suas metodologias e teorias sobre a mediação, ensino, aprendizagem, desenvolvimento e teoria histórico-cultural, a compreensão sobre os temas já mencionados, tornam-se uma ampliação de ideias para desenvolver e concretizar o conceito de mediação dentro da real proposta a que nos é sugerida por Vygotsky dando subsídio para a importância da atividade mediadora no desenvolvimento humano. A condição sujeito-conhecimento-sujeito é entendida como um conceito fundamental para desenvolver importantes elementos para a organização do ensino. A importância da mediação antes mesmo de iniciar a aula, no sentido da preparação das comunicação prática e verbal entre professor e aluno, aluno e aluno, citada no texto de SFORNI, Marta Sueli de Faria[2], nos faz perceber que devemos estar atentos para ações de sentido planejado e sitematizado para cada situação. De que modo o ser humano adquire conhecimento e sabedoria, afinal o que significa aprender? Em nossa interação com o meio em que vivemos existem diferentes tipos de desafios e que, para respondermos de maneira adequada a esses desafios, necessitamos de capacidade para aprender. As competências e habilidades utilizadas no processo de aprendizagem coerente com a necessidade do estudante reforça os fatores cognitivos. Os recursos que utilizamos nesse processo é essencial e deve ser planejado com antecedência, coerencia, dentro do processo cognitivo de cada indivíduo.

Referências

ATIVIDADES, Sala de, Pontuação e tipos de frases, Ic. http://www.saladeatividades.com.br/

ESOPO, Fábula de, A Cigarra e a Formiga na clássica e inesquecível versão da coleção Disquinho, canal do YouTube: myzig enviado, 08/10/2011 disponível em:< https://www.youtube.com/watch?v=BPqr69ciZTQ> Acessado em: 04/05/201, às: 20hs e 20min.

CAMPOS, J. AP. P. P.; et al. Psicologia da Educação. Batatais: Claretiano, 2013. Unidade 4 –
Teorias Cognitivas da Aprendizagem. Material didático da CEUCLAR.

 VIOTTO, Irineu A. Tuim Filho-PONCE, Rosiane de Fátima – ALMEIDA, Sandro Henrique de.
 As compreensões do humano para Skinner, Piaget, Vygotski e Wallon: pequena introdução às teorias e suas implicações na escola. Psic. da Ed., São Paulo, 29, 2º sem. de 2009, pp. 27-55 –

SFORNI, Marta Sueli de Faria. Aprendizagem e desenvolvimento: O papel da mediação. Em PDF, enviado em anexo.



[1] Graduada em Pedagogia pelo Claretiano – Centro Universitário. Especialista em Psicopedagogia Clínica e Educação Infantil e Alfabetização pelo Claretiano Centro Universitário. Desenvolveu durante sete anos um projeto “Apoio Psicopedagógico a Crianças e Adolescentes”. Atualmente como psicopedagoga em uma clínica particular.
[2]  Doutora em Educação pela USP, Professora do Departamento de Teoria e Prática da Educação e do Mestrado em Educação da Universidade Estadual de Maringá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Saudações, caro(a) amigo (a)!
Gostaria muito que você deixasse o seu comentário nesta postagem!
Grata
Karen Hüsemann

Acesse o Canal do Ensino

Acesse o Canal do Ensino

Onde História Estudo Aqui Atinge?

Sugestão de vídeos

Loading...

Notícias do Café História

[1] Notícias:
 Egito Antigo: revelação de espanhóis

Uma missão de arqueólogos espanhóis e egípcios fez uma descoberta em uma tumba no sul do Egito que abre portas à reinterpretação da cronologia faraônica, pois poderia demonstrar que Amenhotep III e seu filho Amenhotep IV, conhecido como Akenaton, reinaram juntos. [Leia mais]

[2] Mural:
 Morre Stuart Hall | Arqueologia

Considerado o pai do multiculturalismo, o sociólogo jamaicano Stuart Hall faleceu hoje aos 82 anos. A notícia foi noticiada nesta segunda-feira, dia 10 de fevereiro de 2014. E mais: Lançada em 1863, a Revista do Instituto Arqueológico, Histórico e Geográfico Pernambucano (IAHGP)está recebendo artigos e outras contribuições em fluxo contínuo. [Leia mais]

[3] Fórum:
 Como avaliar o legado de Stuart Hall?

Participe do nosso mais novo fórum, dedicado ao sociólogo jamaicano falecido ontem, Stuart Hall, considerado o "pai" do multiculturalismo. O título do fórum é: Stuart Hall: como avaliar o seu legado sociológico? [Leia mais]

[4] Livro:
 Memórias da Segunda Guerra Mundial

Em “Memórias da Segunda Guerra Mundial” (em dois volumes), Winston Churchill relata, com uma escrita lúcida e incisiva, as raízes e o desenvolvimento da Segunda Grande Guerra do ponto de vista de quem viveu com intensidade os acontecimentos. Considerada uma obra-prima da literatura do século XX, estas Memórias ultrapassam qualquer gênero e constituem um clássico de leitura obrigatória. [Leia mais]

[5] Cine-História:
 Memórias de Salinger

Chega aos cinemas brasileiros o documentário de Shane Salermo, intitulado "Memórias de Salinger". O filme conta com a participação de Phillip Seymour Hoffman, Edward Norton John Cusack e muitos outros. [Leia mais]

[6] Documento: 
Propagandas antigas

Propaganda retirada da revista A Lua, edição nº10, conta um pouco mais sobre o ano de 1910. [Saiba mais]

[7] Conteúdo da Semana:
 Hemeroteca de Lisboa

Hemeroteca de Lisboa digitaliza parte de seu acervo e disponibiliza na internet, gratuitamente, milhares de documentos que ajudam a contar mais de três séculos da história da imprensa em Portugal. [Leia mais]

Visite Cafe Historia em: http://cafehistoria.ning.com/?xg_source=msg_mes_network





1] Notícias:
 Cemitério de escravos no quintal de casa

Em 1996, durante uma reforma, família descobriu ossadas debaixo da casa. A princípio, desconfiou que fossem de cachorros, até encontrarem várias arcadas dentárias humanas. E mais: sítio arqueológico é descoberto atrás da antiga Estação Leopoldina. Relíquias da família imperial estavam no subterrâneo do terreno, numa antiga área de descarte [Leia mais]

[2] Mural:
 Direita e Autoritarismo

Entre os dias 18 a 22 de novembro de 2013, acontecerá nas dependências do Instituto de Ciências Humanas da Universidade Federal de Juiz de Fora, a 30o Semana de História da UFJF: “As Faces de Clio e os Desafios da História”. E confira também: Já se encontra online o novo número da Revista Debater Europa, subordinado ao tema "diálogos europeus", coordenado por Isabel Maria Freitas Valente e Alexandra Aragão. [Leia mais]

[3] Evento:
 Profissão Historiador

Acontece na Fundação Casa de Rui Barbosa, entre os dias 13 e 20 de setembro, um bem-vindo debate aberto sobre a profissão de historiador. [Leia mais]

[4] Nosso Livro:
 O Flautista do Rei

Ex-Ministro do Governo Sarney escreve autobiografia que ajuda a entender uma precisa parte de nossa história [Leia mais]

[5] Cine-História:
 Rush

Fãs de automobilismo (e do bom cinema) podem comemorar, pois acaba de chegar aos cinemas o filme "Rush - No Limite da Emoção" ("Rush", no original, em inglês), drama dirigido por Ron Howard que conta a história da maior rivalidade já vista na Fórmula 1, entre os pilotos Niki Lauda e James Junt. [Leia mais]

[6] Documento: 
Revolução Francesa

Decreto da Assembléia Nacional francesa estabelece os novos departamentos administrativos da França. [Saiba mais]

[7] Conteúdo da Semana:
 Filosofia - Entrevista

Relembre nossa entrevista com o professor Eduardo Jardim (PUC-RJ). O tema? Filosofia [Leia mais]

Visite Cafe Historia em: http://cafehistoria.ning.com/?xg_source=msg_mes_network